25 frases de Chavela Vargas para destemer a vida

Izabel Vargas Lizano, mais conhecida como Chavela Vargas, nasceu em 1919, em San Joaquín de Flores, Costa Rica, viu a sua infância manchada pela doença e pelo divórcio dos seus pais, sendo deixada ao cuidado dos tios. Aos 14 anos saiu do seu país sozinha, incompreendida e identificou-se com o México. Ali desempenhou várias funções, mas foi com a voz e a atitude que surpreendeu, chamando a atenção. Foi, talvez, a voz mais emblemática da América Latina. Rebelde, forte e genuína. Levou uma vida de excessos, sofrida, que quase perdeu, mas a vitória alcançada no final foi gloriosa!

Destemida, as suas músicas seriam normalmente cantadas por homens e falavam de desejo pelas mulheres. Vestia roupa masculina, fumava e carregava uma arma. Era conhecida pelo casaco vermelho que adorava envergar.

Passeava com Agustín Lara, compositor e poeta mexicano, musa e amiga de Juan Rulfo, escritor mexicano. Vivia com os pintores Diego Rivera e Frida Kahlo e bebia grandes doses de tequila. As melodias iam surgindo… Somos, Luz de Luna, Las simples cosas, Toda una Vida … a preciosa Llorona.

Chavela Vargas só falou da sua homossexualidade aos 81 anos na autobiografia “Y si quieres saber de mi passado”. Numa entrevista à televisão colombiana, declarou que era lésbica e reconheceu Frida Kahlo como o grande amor da sua vida.

Selecionamos 25 citações de Chavela Vargas:

  1. “Não há nada que suporta a liberdade alheia; ninguém gosta de viver com uma pessoa livre. Se você é livre este é o preço que tem de pagar: a solidão”.Chavela Vargas
  1. “O amor é um passo. O adeus é outro passo…e ambos devem ser firmes, nada é para sempre na vida”.Chavela Vargas
  1. “Ninguém morre de amor, nem por falta nem por sobra”.Chavela Vargas

4.”Quando eu canto os que me escutam sentem. E choram porque se dão conta de que são capazes de sentir. Apesar dos males do mundo”. Chavela Vargas

  1. “Não me arrependo de nada do que faço ou fico sabendo. Nem do que é bom, nem do que é mal, nem dos momentos felizes, nem das tristezas…Afinal, tenho a alma plena de paz e tranquilidade”.Chavela Vargas
  1. “Quero me completar num planeta de violinos e guitarras em lugar de tantas metralhadoras”.Chavela Vargas
  2. “Sozinha, de bebedeira em bebedeira nos entendemos”.Chavela Vargas
  1. “Me encontrarei frente a frente com a morte. Não tenho medo dela; não tenho medo dela; por ela tenho respeito. Senhora, aqui estou, quando você me quiser”.Chavela Vargas
  1. “Frida derrama ternura como as flores, sim, como as flores. Uma grande ternura, uma ternura infinita”.Chavela Vargas
  1. “Morrerei numa segunda-feira, o dia mais aborrecido, mas não quero cruzes nem lágrimas. Que desejo descansar em Vargas”.Chavela Vargas
  1. “Uma vez bateram à porta. Eu disse a Frida que era um velho peludo. Era León Trotsky. Eu não sabia quem era. Era este senhor, nada mais e nada menos que ele”.
  1. “Se os diplomatas cantassem não existiriam guerras”.Chavela Vargas
  1. Para crer há de sentir a necessidade de crer”.Chavela Vargas
  1. “Amantes do mundo: às vezes é mais bonito recordar do que viver”. Chavela Vargas
  1. “Devemos cuidar do mundo, proteger o amor, a paz, a justiça”.Chavela Vargas
  1. Ao entrar num palco, sinto medo. Porque encontro algo que me encontra. Antes de terminar a primeira canção eu estou do outro lado. Do lado do meu público”.Chavela Vargas
  1. “Ama sem medida, sem limite, sem complexo, sem alento, sem conselho, sem incerteza, sem preço, sem sacerdote, sem nada. Não tenha medo de amar, chorar com amor e sem ele”.Chavela Vargas
  2. “O amor não existe, é um invento das noites de bebedeira”.Chavela Vargas
  1. “A música não tem fronteiras, mas sim um final comum: o amor e a rebeldia”.Chavela Vargas
  1. “As mulheres com passado e os homens com futuro são as pessoas mais interessantes”.Chavela Vargas
  1. “Não sou política, nem militante de nada. O canto é meu instrumento. E lhe digo cantando”.Chavela Vargas
  1. “Tenho que saber sentir, que tenho que saber lutar para ganhar o respeito dos outros e assim respeitar os outros”.Chavela Vargas
    1. Em um restaurante, uma formosíssima senhora chegou a mim e sussurrou: Chavela, quando nos deitamos? Que atrevida!”.Chavela Vargas
    2. “Eu quero que algum dia que a minha mensagem seja entendida. Mas não é da voz, não é a do disco, não é a do concerto: é a voz imensa do indivíduo que está silenciosa, que não tem nome, que não pode se chamar de nenhuma maneira. Isso é só o que sinto, é só algo além da dor, mais além da angústia, mais além do saber, mais além de tudo, da arte em si mesma”.Chavela Vargas
    3. “Saí do inferno, mas sigo cantando”. Chavela Vargas

<

TEXTO DETradução livre
FONTEBelelu
COMPARTILHAR
Doracino Naves
Jornalista, diretor e apresentador do Programa Raízes Jornalismo Cultural.




COMENTÁRIOS