Esta foto é sua? Por favor, entre em contato.

A vida é um sopro!

Portal Raízes

“Às vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido”. Fernando Pessoa

Nascemos, crescemos e passamos a vida sem muitas vezes perceber que tudo, absolutamente tudo, é tão passageiro, e que nossa passagem por aqui é efêmera. Pena que muitos de nós demoram muito, ou talvez nunca se dão conta disso.

Contando com a eternidade, muitos vivem como se nunca fossem morrer, outros morrem como se nunca tivessem vivido. Um dia você está beijando e abraçando uma pessoa, no outro você pode estar dizendo adeus, e tudo que restará serão somente as lembranças.



Passamos a vida lutando, batalhando por um futuro melhor, uma vida melhor. Estipulamos data e lugar marcado para sermos felizes e realizados.

Só nós esquecemos de um pequeno detalhe, o futuro não existe, porque quando ele chega, já é hoje. Portanto, tudo o que temos, temos agora, tudo o que somos, somos agora, e o amanhã pode nunca chegar.

Não, eu não estou sendo negativa, estou somente enfatizando o fato de que podemos não ter o tempo suficiente para realizar todos os sonhos e desejos do nosso coração. Estou lhe dizendo que talvez você esteja perdendo tempo, na profissão errada, com a pessoa errada, no lugar errado.

Infelizmente eu não tenho todas as respostas, e na condição de ser humano imperfeito que sou, jamais poderia dizer o que é certo ou errado.

Você sabe, você vai sempre saber

Seu coração vai lhe contar segredos incríveis. Ele vai bater forte, ele vai bater num ritmo de dança e alegria todas as vezes que fizer algo que te faça feliz.

Sua alma vai celebrar, seu espirito vai agradecer, e a sua luz vai brilhar tanto, que todos a sua volta serão iluminados. 

Então agrade ao seu coração, talvez isso incomode a razão em algumas circunstâncias, mas não se esqueça de que quem bomba sangue em suas veias é ele, o coração, então escute-o, cometa loucuras se for preciso, se arrependa, chore, ria, lamente, comemore, mas não deixe de viver.

Não deixe para amanhã, não deixe para depois, porque aquele encontro tão bem planejado pode nunca acontecer. Sempre que abraçar ou beijar alguém que ama, faça como se fosse a última vez, porque na verdade nunca saberemos quando será de fato a última vez.

Não tenha vergonha de ser intenso, não tenha medo de se jogar no desconhecido. Porque não há tempo que volte, então vamos apreciar o que não pode ser comprado, vamos apreciar tudo aquilo que pode ser somente sentido.

O barulho da chuva no telhado, o pôr do sol, os trovões durante as tempestades de verão, o primeiro sorriso de uma criança, o primeiro beijo, andar descalço, tomar banho de chuva, rir até a barriga doer, namorar a lua, contar as estrelas, comer sua sobremesa favorita, conversas silenciosas entre dois olhares apaixonados, e o mais importante de tudo, vamos apreciar e agradecer toda vez que o dia amanhecer e os nossos olhos se abrirem.

Enquanto há vida, todo o resto é possível

E quando finalmente nos mudarmos para a terra da eternidade, que nossa viagem seja feita com tranquilidade, que estejamos serenos e satisfeitos com a sensação de dever cumprido, com a alma leve e o coração em paz.

Ame, sorria, perdoe, seja humilde e não se venda por coisas, pessoas ou sentimentos baratos. Seja uma boa pessoa, tenha compaixão e dignidade, e garanta uma vida plena, uma existência significativa, e um final feliz.

Texto de Wandy Luz – Extraído de A Mente é Maravilhosa

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Portal Raízes
Portal Raízes Jornalismo Cultural

COMENTÁRIOS