Via Unsplash
Via Unsplash

Ele ainda a ama

Coração de Elástico

Essa é a história de um cara que abriu sua experiência mais profunda para um bando de estranhos. É uma história de amor trágica que nunca vou esquecer, aqui vai.

São 2 da manhã e a garrafa de tequila no meio da mesa está quase vazia. Estávamos todos reunidos à mesa conversando e compartilhando segredos com todos, como se estivéssemos abrindo as portas e deixando esses estranhos entrarem em nossos pensamentos mais profundos, que podiam nos manter bebendo e acordados a noite toda, mas a partir desse momento eramos confidentes. Jogamos algumas partidas de verdade ou consequência e quando nos cansamos de jogar, começamos a compartilhar histórias, e essa é a dele.

Ele ainda se lembrava dela como se estivesse com ela na noite anterior, sua memória permanece na parte de trás de sua cabeça como um lindo pesadelo. Eu posso dizer que houve dias em que ele nunca poderia falar o nome dela sem se quebrar, mas agora o nome dela é uma melodia que ele pode tocar uma vez ou outra, é uma linda melodia que ele adora ouvir de tempos em tempos.

Ele se lembrava daquela noite em que se conheceram como se tivesse acontecido há poucos meses; Eu poderia dizer que sempre que ele contava essas memórias dela, ele tentava reviver cada segundo antes que as palavras saíssem de sua língua. Ele nos contou como a noite foi linda e como a luz da lua a tornava mais bonita à medida em que a alma aquietava, e como ela descansava calmamente ao lado dele depois. Ela foi a primeira dele, e eu poderia dizer que ele revivia aquela noite o máximo que podia.

Ele se lembrava daquela primeira vez que ele pressionou seus lábios contra os dela, eu poderia dizer que ele faria tudo para ter mais uma chance de fazer isso de novo. Ela era a melhor amiga de seu irmão, era assim que o caminho deles se cruzaram. Ela foi a razão pela qual ele começou a fumar, como ele nos disse. Eles saíam durante a noite, sentavam no capô do carro, inalando cada centímetro dos cigarros que acendiam. Eu poderia dizer que havia noites em que ele não conseguia dormir e sempre que ele acendia um cigarro, é nela que ele pensava, é engraçado como algo venenoso pode ser um lembrete de algo tão bonito.

Ele ainda a ama mesmo que ele tenha perdido contato com ela há muito tempo, depois que se separaram. Ela escolheu estar com outras pessoa e se casou e agora tem filhos. “Estou feliz por ela” ele disse, mas me pergunto o quão sincero ele era quando aquelas palavras saíram de sua língua pela primeira vez. Eu me pergunto como ele se sentiu quando seu irmão recebeu a carta de convite para o casamento dela.

Uma noite ela e seu marido entraram em uma briga e ela correu para ele em busca de algo que só ele poderia fornecer e, em seguida, mais uma vez ele teve a chance de pressionar os lábios contra os dela, ele mais uma vez tocou suas mãos, mais uma vez correu seus dedos através de sua pele macia e mais uma vez sua almas se tornaram uma. Ambos sabiam que estavam errados, mas naquele momento tudo parecia tão certo que escaparam da realidade juntos, e foi algo que ele nunca pôde esquecer. Ele queria ficar lá por um pouco mais de tempo inalando cada centímetro dela antes que a realidade levasse tudo embora. Depois daquela noite ela se foi.

Ela voltou para o marido porque era a coisa certa a se fazer, e lá ele ficou com lembranças que ele nunca poderia esquecer, memórias que nenhuma quantidade de cigarros e álcool poderiam apagar. Ele perdeu o contato com ela, porque ela se foi. Desejou-lhe bem; Desejou-lhe todas as coisas boas que esta vida poderia dar a ela e sua família; “Eu gostaria de pensar que ela é feliz e ele a está fazendo feliz” ele disse.

Ele a ama mesmo que ele a tenha perdido há muito tempo. Eu posso dizer que as memórias que ela deixou nele nunca vão desaparecer, vão ainda mantê-lo acordado durante a noite. Eu posso dizer que sempre haverá um lugar para ela em seu coração e mente que ela pode ocupar sempre que desejar.

Eu posso dizer que ela foi seu maior amor e ainda assim, sua maior tristeza.

Sempre haverá uma pessoa que, seja o que for, você nunca poderá esquecer e, para ele, era ela.

Texto de Annegela Pacla Via Thought Catalog, traduzido e adaptado por Coração de Elástico

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS