Bev Doolittle, pintora norte-americano que fez esta impressionante arte num quadro abstrato que traz imagens de cavalos, rochas e neve, tem dividido opiniões: algumas pessoas conseguem ver 5 cavalos e outras 7.

Ela inicialmente não projetou a tela como uma peça de camuflagem. Originalmente, eram apenas alguns cavalos parados na frente de um bosque de árvores. As árvores simplesmente não estavam funcionando para ela, então ela mudou para rochas cobertas de neve ao fundo. E os cavalos se misturariam com as rochas.

Quantos cavalos você vê?

A autora defende que são somente 5 cavalos. E no mais, são rochas e neves. Entretanto, um grupo de cientistas do Instituto Nacional de Serviços de Saúde Ambiental (NIEHS) alega que imagem contém mais do que cinco cavalos: 1 à esquerda que está olhando para fora; no meio há 4 caras de cavalos agrupadas e entre os 4, o nariz marrom de 1(segundo da esquerda) cobre o lado do rosto do cavalo agachado. À direita está 1 pequeno cavalo de lado e acima dele está a traseira do 7ª cavalo.

Bev Doolittle se tornou uma artista ocidental popular, construindo uma carreira de sucesso com a venda de suas gravuras de arte, muitas das quais apresentam sua técnica de “camuflagem” que revela animais escondidos ou índios americanos dentro do assunto principal da pintura. . Ela é uma das artistas mais colecionadas nos Estados Unidos e é conhecida internacionalmente, de acordo com sua editora, The Greenwich Workshop.

RECOMENDAMOS






As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores. A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.