7 sinais de deficiência de serotonina que muitos ignoram – Inclusive Você!

Portal Raízes

A serotonina não é apenas responsável pelo humor, mas também pelo apetite, recepção da dor, digestão e sono. Embora o termo “níveis de serotonina” seja mais frequentemente mencionado junto com depressão e ansiedade, baixos níveis de serotonina podem resultar em uma série de sintomas e efeitos colaterais diferentes.

A grande maioria das pessoas não conhece particularmente – nem se preocupa em compreender – as funcionalidades e a importância dos neurotransmissores. Isso é, é claro, até que eles ou alguém próximo seja afetado por algum tipo de distúrbio potencialmente causado pela atividade anormal do neurotransmissor.

O fato é que os neurotransmissores do cérebro são uma grande parte do que nos torna… bem… nós. Essas substâncias químicas cerebrais são totalmente responsáveis ​​pela miríade de comunicações que ocorrem em nosso cérebro e corpo. No cérebro, os neurotransmissores transmitem sinais neuronais que permitem seu funcionamento adequado.

AQUI ESTÃO 7 SINAIS DE ALERTA DE BAIXOS NÍVEIS DE SEROTONINA:

A serotonina é um neurotransmissor inibitório… quantidades adequadas de serotonina são necessárias para um humor estável e para equilibrar qualquer disparo de neurotransmissor excitatório excessivo no cérebro… a serotonina também regula muitos outros processos, como desejos por carboidratos, ciclo do sono, controle da dor e digestão apropriada. Os baixos níveis de serotonina também estão associados à diminuição da função do sistema imunológico, segundo informações do Neurogistics.

1. DESEJO DE COMIDA DOCE E RICA EM AMIDO

Carboidratos, como alimentos doces e ricos em amido, são conhecidos por impactar indiretamente os níveis de serotonina. Como tal, é comum que aqueles com níveis baixos anseiem por alimentos ricos em carboidratos.

Quando o corpo ingere carboidratos, mais triptofano – um importante bloco de construção da serotonina – fica disponível. Por sua vez, o cérebro e o corpo produzem mais serotonina. Além disso, muitos alimentos ricos em carboidratos contêm glúten, que também causa dependência.

2. COMPROMETIMENTO COGNITIVO

A serotonina é uma substância química importante para a função cognitiva normal. A pesquisa demonstrou que os níveis adequados do neurotransmissor melhoram a capacidade cognitiva e podem ajudar a corrigir o funcionamento cognitivo defeituoso.

Embora se acredite que ele desempenha um papel nas habilidades gerais de pensamento, seu impacto mais significativo é na memória. Aqueles com baixos níveis de serotonina são mais propensos a ter problemas com a consolidação da memória.

3. ANSIEDADE

Os medicamentos que aumentam os níveis de serotonina são comumente prescritos para pessoas que sofrem de ansiedade. Imagens do cérebro mostraram que aqueles com alta ansiedade têm limitado a serotonina em áreas do cérebro responsáveis ​​pelo impulso e controle emocional.

É importante notar que três outros neurotransmissores, ácido gama-aminobutírico (GABA), dopamina e epinefrina, também desempenham um papel nos transtornos de ansiedade.

4. FADIGA OU EXAUSTÃO

Os níveis de serotonina têm um efeito marcante na produção de energia. Algumas pessoas que experimentam fadiga crônica foram testadas para quantidades insuficientes do produto químico. No entanto, quando esses níveis são repostos, é comum para aqueles que sofrem de fadiga perceber uma melhora drástica nos níveis de energia.

Como acontece com muitos dos sintomas descritos neste artigo, sentir-se cansado ou exausto pode ser o resultado de muitas condições diferentes. A fadiga crônica (de longo prazo) aumenta a possibilidade de baixa serotonina no cérebro.

5. PROBLEMAS DIGESTIVOS

É uma substância química importante para transmitir sinais entre o cérebro e o sistema digestivo. Os profissionais médicos descobriram uma ligação entre a síndrome do intestino irritável (SII) e níveis inadequados de serotonina.

Quando tais deficiências são corrigidas, como foi demonstrado com pacientes com SII, os processos digestivos frequentemente retomam a funcionalidade normalizada.

6. INSÔNIA

A quantidade de serotonina disponível também afeta diretamente a produção de melatonina. Quando os níveis de serotonina estão baixos, a capacidade de produzir melatonina é prejudicada. Como parte de um efeito dominó, o ritmo circadiano – um elemento importante do ciclo dormir/acordar – fica desequilibrado.

Quando isso acontece, é extremamente difícil para alguém seguir um padrão natural de sono. Especificamente, a capacidade de adormecer e permanecer dormindo é frequentemente afetada de forma negativa.

8. MUDANÇA NA LIBIDO

Entre suas muitas propriedades está o efeito da serotonina na libido (desejo sexual). Níveis baixos estão diretamente ligados a um desejo maior de fazer sexo, mas a uma capacidade diminuída de se conectar emocionalmente ou criar laços – não é uma boa receita para intimidade.

Além disso, as flutuações nos níveis de serotonina, seja na produção ou redução, podem impactar ainda mais a atitude de uma pessoa, para não mencionar as capacidades físicas, em relação à atividade sexual.

AUMENTO DOS NÍVEIS DE SEROTONINA

Apesar da insistência da comunidade médica de que os medicamentos prescritos são a melhor maneira de aumentar e estabilizar os níveis de serotonina, existem inúmeras outras maneiras de produzir esse produto químico – sem os efeitos colaterais desagradáveis ​​dos produtos farmacêuticos:

  • Pegue um pouco de luz solar
  • Pratique exercícios ou medite (ou ambos!)
  • Coma alimentos ricos em carboidratos e proteínas. (Descarte carboidratos complexos, como açúcares e amidos)
  • Receba uma massagem
  • Tome algumas vitaminas B (suplementos com uma fórmula de “complexo B” são ideais)

Existem muitas maneiras de aumentar naturalmente os níveis de serotonina , e pode ser benéfico consultar um profissional de saúde médico ou holístico/natural. Apesar de seus efeitos colaterais, os medicamentos prescritos podem ser a resposta para alguns. Embora, tentar um (ou mais!) desses estimulantes naturais da serotonina também possa resolver o problema. Para mais informações leia: 8 Maneiras De Aumentar A Serotonina Naturalmente.

Com informações de Power of Positivity

__

Se você gostou do texto, curta, compartilhe com os amigos e não se esqueça de comentar, isso nos ajuda a continuar trazendo conteúdos incríveis para você. Siga-nos também no Instagram Youtube.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS





Portal Raízes
Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão. As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores. A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.