Há um festival no Nepal que agradece aos cães por serem nossos amigos todos os anos

Portal Raízes

Nossos cães são chamados de nossos melhores amigos por um motivo. Esses animais peludos leais nos amam incondicionalmente, adoram nossa presença, não são exigentes e nos lembram de apreciar até as menores coisas da vida.

Se você concorda, posso sugerir um evento ao qual você terá prazer em participar! As pessoas do Nepal escolheram um dia especial para agradecer aos companheiros de quatro patas por sua amizade e lealdade.

Milhões de hindus comemoram o “Diwali”, um “festival de luzes”, todos os anos no outono.

O que é específico do Nepal é este dia durante a celebração, chamada Kukur Tihar ou Kukur Puja, que é dedicado aos cães.

A celebração do Tihar dura cinco dias, e o segundo dia é o momento de adorar nossos animais favoritos, oferecendo alimentos deliciosos, adornando-os com guirlandas de flores e marcando-os com “tika” na testa.

A marca de pó vermelho significa que o animal é um ser sagrado, e imagens de cães honrados dessa maneira são comoventes.

Observe que a celebração não envolve apenas animais de estimação, mas os cães sem lar também são apreciados da mesma maneira.

O tratamento real dos cães se deve à crença de que eles são os mensageiros de Yama, o deus hindu da morte, e é uma maneira de apaziguar o deus.

Além disso, os caninos também são mencionados no texto hindu Mahabharata, no qual Yudhishthira, o rei da justiça, não queria entrar no céu sem seu melhor amigo peludo.

Fontes: The Mind Unleashed, Travel and Leisure, BBC  – Via Super Universo

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS





Portal Raízes
Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão.As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores.A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.