5 sinais de que você carrega traumas de relacionamentos passados

Portal Raízes

Todo mundo que já se envolveu em um relacionamento amoroso sabe que inúmeras dificuldades precisam ser enfrentadas e superadas em nome da harmonia. Hábitos, valores e ideias muito diferentes podem resultar em separações que algumas vezes acabam sendo tão traumáticas que a pessoa chega a se fechar para novos amores.

Conheça alguns sinais de que você carrega traumas de relacionamentos passados:

1. Falta de interesse

Se mesmo depois de muitos anos do fim de um relacionamento conturbado você não consegue sentir qualquer tipo de atração ou interesse em conhecer pessoas novas, você pode ter se armado de escudos que impedem a aproximação de pretendentes e dificulta um possível novo encontro amoroso.

2. Falta de confiança

Se você nunca mais conseguiu manter um relacionamento duradouro porque sempre acha que o outro está escondendo fatos ou sendo infiel, saiba que o excesso de desconfiança pode estar ligado a um namoro antigo em que foi enganado e, para tentar evitar frustrações, acaba projetando no pretendente seus medos e angústias.

3. Coração fechado

Se você não consegue se abrir e ser você mesmo em um novo namoro provavelmente se sentiu desarmado e inseguro quando, no passado, se entregou de corpo e alma e acabou sendo abandonado na relação.

4. Ficar na defensiva 

Ficar sempre na defensiva e encontrar motivos variados para sempre brigar com o parceiro também pode indicar que feridas do passado não foram cicatrizadas. A atitude menos amigável, em teoria, faria com que você sofresse menos caso fosse surpreendido com um pedido de separação.

5. Não conseguir dizer “Eu te amo”

Por fim, uma dificuldade em dizer “eu te amo” em uma nova relação indica que, apesar do sentimento verdadeiro, você não consegue se expor com medo de ser magoado e traído quando se apresenta mais vulnerável e sincero. A atitude, porém, pode fazer com que o outro não acredite nos seus carinhos, além de poder sabotar suas chances de ser feliz novamente.

Talvez esse texto possa te ajudar: 6 passos para uma vida renovada

Texto adaptado de Astrobr

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Portal Raízes
Portal Raízes Jornalismo Cultural

COMENTÁRIOS