Imagem de mãe e filha juntas, representando pais mentalmente fortes
Pais mentalmente fortes: Essa foto é sua? Por favor entre em contato.

13 coisas que pais mentalmente fortes não fazem

Portal Raízes

Criar filhos mentalmente fortes para assumir desafios do mundo real exige que os pais desistam das práticas pouco saudáveis – ainda que populares – que estão roubando as crianças da força mental. Claro, ajudar as crianças a desenvolverem músculos mentais não é fácil – exige que os pais também sejam mentalmente fortes. Observar a luta das crianças, encoraja-las a enfrentar seus medos e responsabilizá-las por seus erros é difícil. Mas esses são os tipos de experiências que as crianças precisam para alcançar seu maior potencial.

Os pais que treinam o cérebro de seus filhos para uma vida de significado, felicidade e sucesso, evitam essas 13 coisas:

1.Pais mentalmente fortes não toleram uma mentalidade de vítima

Ser cortado do time de futebol ou falhar em uma matéria não faz sua criança uma vítima. A rejeição, o fracasso e a injustiça fazem parte da vida. Ao invés de permitir que as crianças acolhem festas ou exagere seu infortúnio, os pais mentalmente fortes encorajam seus filhos a transformarem suas lutas em força. Eles ajudam seus filhos a identificar maneiras pelas quais eles podem tomar medidas positivas, independentemente das circunstâncias.

2. Eles não se culpam

Os sentimentos de culpa podem levar a uma longa lista de estratégias de educação para crianças não saudáveis – como ceder ao seu filho depois de ter dito que não, ou extrapolar nos agrados de  feriados (dar doces, bebidas, comidas e brinquedos em exagero). Pais mentalmente fortes sabem que, embora a culpa seja desconfortável, é tolerável. Eles se recusam a deixar seus sentimentos de culpa lhes impedirem de fazer escolhas sábias.

3. Eles não tornam seus filhos o centro do universo

Pode ser tentador fazer sua vida girar em torno de seu filho. Mas as crianças que pensam que são o centro do universo crescem egocêntricas. Os pais mentalmente fortes ensinam seus filhos a se concentrar no que eles têm para oferecer ao mundo – e não o que eles são devidos.

4. Eles não permitem que o medo dite suas escolhas

Manter seu filho dentro de uma bolha protetora pode poupar-lhe muita ansiedade. Mas manter as crianças muito seguras atrapalha seu desenvolvimento. Pais mentalmente fortes se vêem como guias, não como protetores. Eles permitem que seus filhos saem para o mundo e experimentem a vida, mesmo quando têm medo de deixar ir.

5. Eles não dão aos seus filhos poder sobre eles

As crianças que ditam o que a família vai comer para o jantar, ou como a família vai passar os fins de semana, têm muito poder. Tornar-se mais como um igual – ou mesmo o chefe – não é saudável para as crianças. Os pais mentalmente fortes capacitam os filhos a fazer escolhas apropriadas, mantendo uma hierarquia clara.

6. Eles não esperam perfeição

Os pais mentalmente fortes reconhecem que seus filhos não vão se destacar em tudo. Em vez de empurrar seus filhos para serem melhores do que todos os outros, eles se concentram em ajudá-los a se tornarem as melhores versões de si mesmos.

7. Eles não deixam seus filhos evitar a responsabilidade

Você não vai pegar uma mãe mentalmente forte dizendo coisas como, “Eu não quero carregar meus filhos com tarefas domésticas. As crianças devem ser apenas crianças”. Os pais esperam que as crianças aprendam as habilidades que precisam para se tornar cidadãos responsáveis. Eles proativamente ensinam seus filhos a assumir a responsabilidade por suas escolhas e atribuir-lhes direitos adequados à idade. Para te ajudar, veja a tabela de Maria Montessori sobre tarefas que seu filho pode fazer sozinho e em qual idade.

8. Pais mentalmente fortes não protegem seus filhos da dor

É difícil observar as crianças lutarem com sentimentos feridos ou ansiedade. Mas as crianças precisam de prática e experiências de primeira mão com tolerância ao desconforto. Os pais mentalmente fortes fornecem aos seus filhos o apoio e a ajuda que eles precisam ao lidar com a dor, para que seus filhos possam ganhar confiança em sua própria capacidade de lidar com qualquer dificuldade que a vida oferece.

9. Eles não se sentem responsáveis pelas emoções de seus filhos

Pode ser tentador animar seus filhos quando estão tristes ou acalmá-los quando estão com raiva. Mas regular as emoções dos seus filhos para eles evita que eles ganhem importantes habilidades sociais e emocionais. Os pais mentalmente fortes ensinam seus filhos a serem responsáveis por suas próprias emoções, então eles não precisam depender de outros para fazê-lo por eles.

10. Eles não impedem seus filhos de cometer erros

Mesmo que o seu filho erre algumas questões de matemática, ou se esqueça de amarrar os cadarços para jogar futebol, saiba que os erros podem ser o maior professor da vida. Pais mentalmente fortes deixam seus filhos bagunçarem – e permitir que eles enfrentem as consequências naturais de suas ações.

11. Eles não confundem a disciplina com o castigo

A punição é fazer com que as crianças sofram por seus erros. Disciplina é sobre ensiná-los a fazer melhor no futuro. E enquanto os pais mentalmente fortes dão consequências, seu objetivo final é ensinar as crianças a desenvolverem a autodisciplina, elas precisarão fazer melhores escolhas na estrada da vida.

12. Eles não aceitam atalhos só para evitar desconforto

Desistir quando uma criança chora, ou fazer as tarefas de seus filhos para eles, é rápido e fácil. Mas esses atalhos ensinam hábitos insalubres aos filhos. É preciso força mental para tolerar o desconforto e evitar esses atalhos tentadores.

13. Eles não perdem de vista seus valores

É fácil se envolver no dia-a-dia das tarefas de casa, tarefas domésticas e práticas esportivas. Esses horários agitados – combinados com a pressão para parecer pais do ano nas mídias sociais – fazem com que muitas pessoas percam de vista o que é realmente importante. Os pais mentalmente fortes conhecem seus valores e garantem que sua família viva de acordo com eles.

Construa seu músculo mental

A chave para se tornar pais mentalmente mais fortes é aprender e crescer a partir de seus erros. Ao tornar a força mental uma prioridade máxima, você dará aos seus filhos habilidades e confiança que eles precisarão para atingir seu maior potencial.

Texto de Psychology Today traduzido pela equipe do Portal Raízes.

Se você gostou desse texto, leia também:

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Portal Raízes
Portal Raízes Jornalismo Cultural

COMENTÁRIOS