Esta foto é sua? Por favor entre em contato.

15 traços de uma pessoa empática

Não tem nada a ver com jogos ou desporto que terminam sem vencedor. Ser um empata significa que ter a capacidade de perceber e ser afetado pelas energias de outras pessoas e ter uma capacidade inata de sentir e perceber intuitivamente outros. A sua vida é inconscientemente influenciada pelos desejos dos outros, desejos, pensamentos e estados de espírito. Ser um empático é muito mais do que ser altamente sensível e não está limitado apenas às emoções. Pessoas mais sensitivas podem perceber sensibilidades físicas e impulsos espirituais, bem como apenas saber as motivações e intenções de outras pessoas. Não é uma característica que é aprendida. Ou você é um empático ou não é.

Aqui ficam 15 dos traços mais comuns do Empático

1 – Os empáticos sabem coisas, sem lhes ser dito. É um conhecimento que vai além da intuição, mesmo que essa seja a forma como muitos poderiam descrever o saber. Quanto mais sintonizados eles são, mais forte este dom se torna.

2 – Sentir as emoções e tomá-las como suas: este é grande fardo para sensitivos. Alguns deles vão sentir emoções vindas daqueles que estão perto e outros poderão sentir as emoções de pessoas a uma grande distância, ou até ambas. Os empáticos mais sintonizados irão saber se alguém está a ter maus pensamentos sobre eles, até mesmo a uma grande distância.

3 – O empático sabe quando alguém não está a ser honesto: se um amigo ou um ente querido lhe está a dizer mentiras ele sabe disso (embora muitos sensitivos tentam não se focar muito nesse conhecimento porque saber que um ente querido está a mentir pode ser doloroso). Se alguém está a dizer alguma coisa mas se ele sente ou pensa de outra, o empático simplesmente sabe.

4 – Captar os sintomas físicos de uma outra pessoa: um empático pode desenvolver as doenças de outra pessoa (constipações, infecções oculares, dores no corpo e dores), especialmente aqueles que são mais próximos, um pouco como as dores de simpatia.

5 – Sempre a olhar os oprimidos: qualquer um cujo sofrimento, dor emocional, a ser vítima de injustiça ou intimidado, chama a atenção e a compaixão de um empático.

6 – Fadiga constante: os empáticos muitas vezes ficam sem energia, seja de vampiros de energia ou apenas captando em demasia a energia dos outros, que até mesmo o sono não cure. Muitos são diagnosticados com Fadiga Crônica ou até Fibromialgia.

7 – Criatividade: a cantar, dançar, atuar, desenhar ou escrever, um empático terá uma forte veia criativa e uma imaginação muito fértil.

8 – Amor pela natureza e pelos animais: estar ao ar livre na natureza é uma obrigação para os sensitivos e os animais de estimação são uma parte essencial da sua vida. Podem não os ter porque acredita que eles devem ser livres, mas têm grande carinho e proteção por eles.

9 – Necessidade de solidão: um empático vai agitar-se e ficar louco se ele não receber algum tempo de silêncio. Isto é ainda muito evidente em crianças empáticas.

10 – Luta pela verdade: isso se torna mais predominante quando um empático descobre seus dons de nascença. Qualquer coisa que seja ele sente que está completamente errada.

11 – Gostam de liberdade e viagens: os empáticos são espíritos livres.

12 – Abomina a desordem: ela traz uma sensação ao empático de peso e bloqueia o seu fluxo de energia.

13 – Adora sonhar acordado: um empático pode olhar para o espaço por horas, ficando num mundo muito próprio e de muita felicidade. Um empático detesta ter de fingir ser feliz quando está triste.

14 – Excelente ouvinte: o empático não vai falar de si, a menos que seja para alguém em quem realmente confia. Ele gosta de conhecer e aprender com os outros e genuinamente cuidar.

15 – Intolerância ao narcisismo: embora sensato e generoso e muitas vezes tolerante para com os outros, os sensitivos não gostam de ter pessoas ao seu redor excessivamente egoístas, que se colocam em primeiro lugar e se recusam a considerar os sentimentos dos outros, ou pontos de vista diferentes do seu.

TEXTO DE Alcino Rodrigues
FONTEVia
COMPARTILHAR
Portal Raízes
Raízes Jornalismo Cultural - Portal, Revista Impressa e Programa de Televisão




COMENTÁRIOS