Biel Vaz fala sobre a crise de ansiedade que o deixou com amnésia

Portal Raízes

Imagina passar por uma crise de ansiedade tão forte a ponto de desmaiar e esquecer metade de sua história ao acordar? É exatamente essa sensação que o influencer Biel Vaz, de 30 anos, tem experimentado nos últimos dias.

De acordo com a revista Vogue, há uma semana, Biel teve uma crise de ansiedade seguida de convulsão e amnésia dissociativa, segundo os médicos. Ele e a companheira, Tuy Potasso, são donos de um canal de comportamento com mais de um milhão de inscritos no Youtube. Mas, após o episódio, Biel acordou sem se lembrar da profissão e até mesmo de sua esposa. No Instagram, o influencer escreveu um relato em primeira pessoa sobre como tem sido seus dias e criou a tag #MinhaCrisedeAnsiedade para compartilhar outras histórias.

View this post on Instagram

#minhacrisedeansiedade me fez retroceder 10 anos de vida. Me contaram que eu tive uma convulsão e um desmaio e quando acordei não reconhecia minha casa, meus animais e nem mesmo minha mulher.⁣ Lembrava de morar em outro lugar, ter outros amigos e uma vida completamente diferente. Ao me olhar no espelho meu cabelo tinha mudado e meu rosto não era o mesmo… Eu estava mais velho.⁣ Nada sabia sobre o meu trabalho ou sobre qualquer outra coisa que aconteceu nesse período. Voltei a ter algo entre 18 e 20 anos.⁣ Hoje faz 1 semana que isso aconteceu, começo a me recordar de algumas coisas, pessoas, meu relacionamento, meu trabalho… Mas não sinto nada. Estou anestesiado.⁣ Estou procurando manter minha rotina, seguir os planos que já tinha e construir novas lembranças. Soube de outros casos parecidos com o meu, sei de pessoas que se recuperaram rápido e de outras que nunca se recuperaram, então não posso apenas esperar por uma melhora. Comemoro cada progresso sem me cobrar pelo próximo.⁣ Sou muito privilegiado por ter uma mulher maravilhosa que mesmo nos períodos que não me recordei dela não saiu do meu lado e me guiou por essa escuridão que é a perda de memória.⁣ Agradeço aos amigos e familiares que estão me dando força e tbm a todos vocês que eu ainda não conheço direito, mas descobri que tbm chamo de família.⁣ Muito obrigado! ⁣ ⁣ ⁣ #minhacrisedeansiedade é uma hashtag criada por nós para que as pessoas possam compartilhar suas vivências com o transtorno de ansiedade, que quase nunca é levado a sério. Nesse momento o Biel está passando por um episódio de amnésia dissociativa onde o gatilho foi uma crise de ansiedade, e queremos usar esse momento de dificuldade para ajudar outras pessoas (coisa bem comum no nosso processo criação de conteúdo)!⁣ ⁣ 🖤 Para participar é só postar uma foto no seu feed ou storie com um relato de uma crise de ansiedade que vc passou usando a hashag. Sabemos que às vezes é complicado falar dos problemas, mas é necessário que as pessoas ao redor se conscientizem.🖤 Pode postar pelo Twitter também 😊⁣ ⁣ Lembrando que ter amnésia dessa forma não é um quadro comum.⁣ ⁣ ❤️ COMPARTILHE ESSA POSTAGEM NOS SEUS STORIES OU FEED E MARCA A GENTE ❤️

A post shared by Tuy e Biel | Dicas para casal (@tuyebiel) on

“Minha crise de ansiedade me fez retroceder 10 anos de vida. Me contaram que eu tive uma convulsão e um desmaio e quando acordei não reconhecia minha casa, meus animais e nem mesmo minha mulher.⁣ Lembrava de morar em outro lugar, ter outros amigos e uma vida completamente diferente. Ao me olhar no espelho meu cabelo tinha mudado e meu rosto não era o mesmo… Eu estava mais velho.⁣ Nada sabia sobre o meu trabalho ou sobre qualquer outra coisa que aconteceu nesse período. Voltei a ter algo entre 18 e 20 anos. Hoje faz 1 semana que isso aconteceu, começo a me recordar de algumas coisas, pessoas, meu relacionamento, meu trabalho… Mas não sinto nada. Estou anestesiado.⁣ Estou procurando manter minha rotina, seguir os planos que já tinha e construir novas lembranças. Soube de outros casos parecidos com o meu, sei de pessoas que se recuperaram rápido e de outras que nunca se recuperaram, então não posso apenas esperar por uma melhora. Comemoro cada progresso sem me cobrar pelo próximo”.

“Não tinha noção do quão sério é a ansiedade”

“Não imaginava que alguém poderia perder a memória sem ter batido a cabeça ou sofrido algum acidente. Não tinha noção do quão sério é a ansiedade. Foi muito louco ele ter uma convulsão, 10 segundos depois acordar e não saber o que tinha acontecido em 2020. Em contrapartida, a sensação que tenho hoje é que isso é um presente para a gente, para nos enxergarmos com os olhos de uma criança e ajudar outras pessoas com isso. Estamos tendo apoio da família, dos médicos, dos psicólogos e tem gente que não tem essa base. Se a gente conseguir passar isso para frente já é um ganho. Não somos de reclamar da vida, e nem estou falando no sentido de romantizar a coisa toda, se eu pudesse não passar por isso, não passaria, mas se eu ficar tensa, com raiva, triste, não vai mudar. Estamos tentando tirar uma lição”. Disse Tuy,  à Vogue.

“Ele lembrou que a gente tem um relacionamento longo, que a gente construiu uma história, lembrou de pontos importantes para a nossa vida, mas não se lembra de uma viagem que fizemos para Amsterdam, quando eu o pedi em casamento. Do canal, dos inscritos, ele não lembrou de nada, é um grande borrão ainda. Mas ele está achando legal porque está se descobrindo de novo. É muito interessante que num turbilhão de coisas, a gente não perceba o que conquistamos nos últimos 10 anos. Ele olha para ele mesmo e acha tudo muito incrível, vê as tatuagens e acham bonitas, vê a aparência dele e gosta”.

Como aconteceu?

“Biel teve uma crise de ansiedade, onde sofreu uma convulsão. No dia seguinte procurou ajuda médica para contar que tinha sofrido um incidente e perdido a memória. Nos exames não deu nenhum problema neurológico. Fomos no atendimento psiquiátrico e houve o pré-diagnóstico de amnésia dissociativa, que é quando a pessoa tem um trauma muito grande ou uma sensação muito ruim que o cérebro entende que tem que ir para um lugar seguro. Para o Biel foi entre os 18, 20 anos”, explicou. Tuy contou que a indicação médica de tratamento foi tentar manter a rotina que Biel tinha antes do incidente para ver como a memória vai reagir. Veja no vídeo abaixo o depoimento do próprio Biel

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS





Portal Raízes
Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão. As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores. A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.