10 frases de Boechat que mostram que os políticos não sentirão sua falta

Portal Raízes

Ricardo Eugênio Boechat foi jornalista, apresentador e radialista brasileiro. Esteve presente nos principais jornais do país, como O Globo, O Dia, O Estado de S. Paulo e Jornal do Brasil. Foi diretor de jornalismo na Band, e atualmente trabalhava como âncora em dois jornais: nas redes de rádio da BandNews FM e de televisão, a Band do Grupo Bandeirantes de Comunicação. Ganhou três prêmios Esso, Boechat tinha uma coluna semanal na revista ISTOÉ. 

Falecido na manhã deste segunda-feira (11), aos 66 anos, após um trágico acidente de helicóptero em São Paulo, Ricardo Boechat, por inúmeras vezes, inverteu os papéis e, de jornalista, se tornou a própria notícia por suas falas consideradas ácidas e polêmicas.

Sem travas na língua, Boechat tinha espaço em todos os veículos que trabalhou, para emitir opiniões sobre os mais variados temas. Selecionamos 10 falas dele que nos faz compreender porque os políticos corruptos não sentirão sua falta. Confira:

Frases ácidas de Ricardo Boechat

1 – “Pode botar todos os traficantes, todos os assassinos de um lado. O Estado brasileiro é o inimigo maior da sociedade, porque ele existe pra isso. Ele é sistemático, organizado, ele é poderoso, ele é endinheirado, ele é armado, ele faz de tudo que tem na mão pra isso!”. Ricardo Boechat

2 – “Me mostra um único político brasileiro que tenha empobrecido no exercício da política. No máximo, os mais honestos, radicalmente honestos, progrediram patrimonialmente de acordo com seus ganhos”. Ricardo Boechat

3 -“Vocês me ofendem o dia inteiro, vocês me agridem o dia inteiro. O tempo todo, 24 horas por dia sou agredido pelo Estado brasileiro e pelos agentes públicos desse país. No desrespeito, na falta de serviço, na corrupção ostensiva, no corporativismo, na picaretagem, na mentira, no logro, na desilusão que vocês nos impõem, nos atrasos, no abandono da educação, da saúde. E agora querem o quê? Serem tratados com respeito?”. Ricardo Boechat  

4 – “Eu sou favorável a jogar ovo, eu sou favorável à revolta, a quebra-quebra. Vandalismo? É o cacete! Vandalismo é botar as pessoas quatro horas na fila das barcas todo dia, vandalismo é mandar segurança baixar porrada todo dia em passageiro da Central do Brasil que não aguenta mais ser tratado como gado. Isso é que é vandalismo! Vandalismo é roubar como um condenado com dinheiro público, vandalismo é matar meu filho dentro de um hospital por falta de médico, remédio enquanto há esquema de corrupção que a gente cansa de ver aí dentro dos hospitais. Revolta não é vandalismo!”. Ricardo Boechat

5 – “A política tem que ser entendida, para merecer este nome, como uma ação cuja abrangência alcance todos os cidadãos”. Ricardo Boechat

6 – “Quando a gente chora, sofre, lamenta o fato ocorrido ontem, a gente parece estar anestesiado… Ou gostar da anestesia é que nos fazer esquecer desse fato tão logo surge o fato de amanhã, que terá o mesmíssimo tratamento. O que a gente tem que colocar em cima da mesa diante de nós mesmos como sociedade é se nós queremos continuar lidando com essas tragédias pranteando-as no início e as esquecendo logo depois”.Ricardo Boechat

7- “A rua é o nosso lugar quando nós queremos pressionar os governantes, que é ali que é jogado o jogo. Porque não é na eleição, não é no Parlamento, não é no Congresso, não é nos partidos… sabe porque não é? Porque aqui no Brasil eles se apropriaram disso tudo pra fazer o que interessa a eles! Eles próprios fecharam as portas pra população nesses espaços democráticos”.

8 – “A imprensa noticia vandalismo, pois gera medo. O medo faz com que as pessoas fiquem em casa. E pessoas com medo não mudam o país!”. Ricardo Boechat

9 – “Torturadores não têm ideologia. Torturadores não têm lado. Torturadores são apenas torturadores. É o tipo humano no nível mais baixo que a natureza pode conceber. São covardes, são assassinos e não merecem em momento algum serem citados como exemplo”. Ricardo Boechat

10 – “É uma imagem melancólica e humilhante para o cidadão brasileiro ver tantas figuras com tantos crimes nas costas reunidas ali, sem que a polícia comparecesse para fazer a sua parte”. Ricardo Boechat

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS





Portal Raízes
Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão.As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores.A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.