Segredo de Michelle e Barack para o amor durar para sempre

Portal Raízes

Michelle Robinson estava recém-formada pela Harvard Law School e trabalhava em um escritório de advocacia corporativo quando foi designada para ser a assessora de Barack Obama. Ele era associado de verão quando terminou a faculdade de direito, também em Harvard.

“Fui para Harvard e ele foi para Harvard, e a empresa pensou: ‘Ah, vamos engajar essas duas pessoas’”, disse Michelle.

Depois de cerca de um mês trabalhando juntos, Barack convidou Michelle para sair. “Eu pensei: de jeito nenhum”, ela disse, “isso é completamente brega”.

Mas Barack não foi dissuadido facilmente. Ele entendeu que a razão pela qual ela não queria sair com ele não era que ela não estava interessada, mas que ela não queria sair com alguém com quem trabalhava. Barack percebeu que havia uma solução fácil: “Eu me ofereci para deixar meu emprego e, por fim, ela cedeu”.

Michelle decidiu sair com Barack – e nem sequer o fez abandonar o emprego. Eles almoçaram no Art Institute of Chicago, foram passear, tomaram sorvete e assistiram “Do the Right Thing” de Spike Lee. “Ele estava tentando me mostrar seu lado sofisticado selecionando um cineasta independente”, disse Michelle.

Parece que funcionou, porque Michelle e Barack começaram a namorar.

Michelle levou Barack para casa, para conhecer sua família, e seu irmão sujeitou Barack a um teste de caráter: um jogo de basquete. O irmão de Michelle, Craig disse: “Você pode realmente identificar egoísmo em uma quadra de basquete. Sabe? e ele não foi egoísta”.

Mesmo tendo conquistado a família Robinson, Michelle não estava convencida. No entanto, ela disse: “isso meio que me fez olhar para ele um pouco melhor”.

O casamento deles

Uma noite, depois que de namorarem por alguns anos, eles estavam em um restaurante celebrando, quando o garçom trouxe a bandeja de sobremesa, havia um anel.

Barack e Michelle se casaram em 3 de outubro de 1992. De seus votos, Michelle relembra: “Barack não prometeu riquezas, apenas uma vida que seria interessante. Com essa promessa ele entregou.”

A vida deles

Os dois passaram por campanhas políticas, dois mandatos na Casa Branca e duas filhas, entre muitas outras grandes realizações. Através de tudo isso, Michelle e Barack se mantiveram apaixonados, construindo a força de seu relacionamento.

De fato, em uma conversa com Oprah Winfrey, Michelle explicou que na verdade são os desafios da vida que revelam o amor verdadeiro. Ela disse: “Tem que ser uma verdadeira parceria e você tem que realmente gostar e respeitar a pessoa com quem você está, porque é um caminho difícil… Há altos e baixos, mas no final você pode olhar nos olhos dele e dizer “eu gosto de você”… acho que você passa por esse estágio de amor maravilhoso, mas quando fica difícil, você precisa de um pouco mais”.

O sentimento de Barack era similar, ele disse, “Obviamente eu não poderia ter feito nada que eu tenha feito sem Michelle… não só ela tem sido uma grande primeira dama, como ela é minha rocha. Eu conto com ela em tantas maneiras, todos os dias”.

No final do dia, Barack e Michelle são bons parceiros porque são melhores amigos. Barack disse: “Você não é apenas minha esposa e mãe dos meus filhos, você é minha melhor amiga. Eu amo sua força, sua graça e sua determinação. E eu te amo mais a cada dia”.

Traduzido de famifi

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS





Portal Raízes
Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão.As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores.A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.