Nunca desista! O verdadeiro desastre é perder a esperança – Dalai Lama

Portal Raízes

“Há um ditado em tibetano que diz ‘a tragédia deve ser utilizada como uma fonte de força’.
Não importa o tipo de dificuldade, quão dolorosa é a experiência, se perdermos nossa esperança, esse é o nosso verdadeiro desastre. Quando encontramos uma verdadeira tragédia na vida, podemos reagir de duas maneiras – perdendo a esperança e caindo em hábitos autodestrutivos, ou usando o desafio de encontrar nossa força interior. As criaturas que habitam esta terra – sejam eles seres humanos ou animais – estão aqui para contribuir, cada uma a sua maneira particular, para a beleza e prosperidade do mundo”.

“Às vezes, quando encontro velhos amigos, isso me lembra a rapidez com que o tempo passa. E me pergunto se utilizamos nosso tempo de maneira adequada ou não. A utilização adequada do tempo é muito importante. Embora tenhamos este corpo, e especialmente este incrível cérebro humano, acho que cada minuto é algo precioso. Nossa existência cotidiana está muito viva de esperança, embora não haja garantia de nosso futuro. Não há garantia de que amanhã a esta hora estaremos aqui. Mas estamos trabalhando para isso puramente com base na esperança. Portanto, precisamos fazer o melhor uso de nosso tempo. Eu acredito que o uso adequado do tempo é este: servir outras pessoas com empatia. Se não, pelo menos evite feri-las. Acho que essa é toda a base da minha filosofia”.

“Então, vamos refletir o que é realmente de valor na vida, o que dá sentido às nossas vidas, e definir nossas prioridades com base nisso. O propósito de nossa vida precisa ser positivo. Não nascemos com o propósito de causar problemas, prejudicar os outros. Para que nossa vida tenha valor, acho que devemos desenvolver boas qualidades humanas básicas – cordialidade, bondade, compaixão. Então nossa vida se torna significativa e mais pacífica – mais feliz”.

“Quando a vida se torna muito complicada e nos sentimos oprimidos, geralmente é útil apenas recuar e nos lembrar de nosso propósito geral, nosso objetivo geral. Quando confrontado com um sentimento de estagnação e confusão, pode ser útil tirar uma hora, uma tarde ou mesmo vários dias para simplesmente refletir sobre o que é que realmente nos trará felicidade e, em seguida, redefinir nossas prioridades com base nisso . Isso pode colocar nossa vida de volta no contexto adequado, permitir uma nova perspectiva e nos permitir ver que direção tomar”.

“Nunca desista. Não importa a tragédia que esteja acontecendo. Nunca desista. Desenvolva o coração mais do que a mente. Muita energia é gasta desenvolvendo a mente em vez do coração. Seja compassivo não apenas com seus amigos, mas com todos. Tenha compaixão. Trabalhe pela paz em seu coração e no mundo. Trabalhe pela paz. E eu digo novamente. Nunca desista. Não importa o que esteja acontecendo ao seu redor. Nunca desista”.

Excertos de Dalai Lama, traduzidos pela redação de Portal Raízes. Extraídos de 78 powerful Dalai Lama quotes on life, love and happiness. Dalai Lama é um dos professores espirituais mais inspiradores que vivem hoje. Desde os 16 anos, ele foi nomeado com enorme responsabilidade em face das questões políticas no Tibete.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS





Portal Raízes
Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão. As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores. A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.