Escolha uma imagem e descubra o maior medo de sua vida

Portal Raízes

Léopold Szondi foi um psiquiatra e psicanalista Húngaro muito famoso em 1935 que elaborou um teste para descobrir quais os maiores medos que se escondem no subconsciente das pessoas. Este teste é baseado na simpatia ou na aversão que sentimos com algumas das imagens de psicopatas que vemos abaixo. A base científica do teste é a ideia de que tudo o que nos incomoda quando somos adultos foi algo que nos perturbou quando ainda éramos crianças e que acabamos reprimindo. Antes de começar, vale a pena conhecer alguns termos do campo da psiquiatria:

Repressão: De acordo com as idéias psicanalíticas, este é o mecanismo de defesa psicológica mais importante que temos. Sua principal função é levar pensamentos e desejos que são desconfortáveis ​​para o nosso subconsciente.

Negação: É um processo mental de rejeição de nossas vontades mais íntimas (por exemplo, coisas que queremos muito fazer). Rejeitamos tanto essas vontade que acabamos fazendo exatamente o oposto delas.

Agora que você já sabe o mais importante sobre o teste de Szondi, sua tarefa é olhar para a imagem e escolher a pessoa que você nunca gostaria de encontrar em uma rua deserta no meio da noite porque sua aparência lhe causa muito medo. Cada uma das fotos é de uma pessoa com uma doença psicológica diferente e cada uma dessas doenças iremos citar no título do parágrafo. CUIDADO! Não entenda os resultados do teste como um diagnóstico médico de doença mental. O teste foi criado apenas para descobrir detalhes reprimidos de cada tipo de personalidade de acordo com a teoria psicanalítica e nenhum dos títulos indica que você tenha alguma destas doenças. Você já decidiu qual dessas pessoas você teria medo de encontrar em um lugar escuro?

1. Sádico

Se você escolheu a primeira imagem, provavelmente é porque você reprime experiências autoritárias, necessidade de dominar e algumas más intenções que fizeram parte de sua infância. Se essa foi sua escolha pode ser porque você guarda em seu subconsciente memórias onde você foi ofensivo ou humilhou outras pessoas. Hoje em dia você é inofensivo e pacífico, sempre disposto a ajudar os outros. Por outro lado, quando você não quer algo, cria quantos obstáculos forem necessários (por exemplo, estar atrasado para o trabalho ou fingir que está de mau humor). Quando você tem que se defender, é uma pessoa muito resistente. Além disso, sua rebelião é algo muito cansativo pra quem tem problemas com você.

2. Epiléptico

Algumas doenças mentais podem estar associadas à problemas cerebrais (às vezes podem ocorrer no caso da epilepsia). Alguns diagnósticos citam características tais como impulsividade, irritabilidade, explosões de raiva e agressão. Se a imagem deste homem de cabeça grande causou medo em você, o mais provável é que você reprimiu algumas dessas características em seu subconsciente quando você ainda era criança. Já que você negou alguns de seus sentimentos na infância, agora você é uma pessoa tranquila, da paz e super amiga. Além disso, você passa a impressão de que tem tudo sob controle. Suas emoções são estáveis ​​e facilmente você se relaciona com outras pessoas.

3. Catatônico

Algumas características que tem relação com este transtorno mental são a imaginação extremamente fértil, negativismo e um grande conhecimento das coisas. Se este homem sorridente lhe deixou com medo o mais provável é que você tenha reprimido hiperatividade quando era criança. Você enviou essa sua característica para seu subconsciente senão iria perder a noção de realidade. Por causa da negação, você não gosta de mudanças e começou a ter comportamentos estereotipados. Talvez você seja o tipo de pessoa tímida e indiferente que tem dificuldade em se adaptar a novas situações. O maior medo de sua vida é perder o autocontrole e você pode acabar sendo uma pessoa muito rígida, que fica sempre na defensiva e que nunca quer se desviar dos “códigos de conduta”.

4. Esquizofrênico

Você escolheu a foto da mulher com esquizofrenia? A personalidade de pessoas que tem esse tipo de doença inclui muita apatia, pensamentos sem coerência e emoções confusas. Se a expressão do rosto dessa mulher lhe deu medo, talvez você tenha emoções reprimidas de indiferença com os outros e guarde em seu subconsciente eventos ruins que aconteceram quando você era criança. Mesmo com esses sentimentos escondidos, você é uma pessoa muito amigável que gosta de conversar e de sempre ter alguém por perto. No entanto, no fundo, você ainda se sente sozinho, podendo até achar que seus amigos são superficiais.

5. Histérico

Algumas características de pessoas histéricas incluem emoções superficiais e instáveis. Geralmente são pessoas narcisista e que gostam de se exibir. Se esta senhora misteriosa de olhos cansados lhe causou arrepios, talvez você tenha reprimido muitos sentimentos quando era criança, como um grande desejo de ser sempre o centro das atenções e uma enorme necessidade de aprovação. Você negou tanto esses sentimentos que se tornou uma pessoa humilde e que tem um universo particular. No entanto, a verdade é que por trás da pessoa quieta e tímida tem alguém que quer muito conquistar a simpatia dos outros. Você é uma pessoa muito cuidadosa com seu visual e com seu comportamento. Por exemplo, seus looks sempre bem produzidos costumam chamar atenção e despertar a admiração dos outros. Além disso, você faz parte de um grupo de pessoas que costumam ter profissões ou paixões extravagantes.

6. Depressivo

As características mais marcantes da depressão são a falta de auto-estima, sentimentos de inferioridade e culpa. Se você sentiu medo ou raiva ao ver a fotografia dessa pessoa talvez seja porque você é alguém deprimido e que faz de tudo para controlar os seus sentimentos. As pessoas podem até ter a impressão de que você é uma pessoa muito alegre e despreocupada, já que você parece estar sempre pra cima, otimista e confiante. Por outro lado, às vezes você pode sentir raiva e até melancolia (a síndrome do palhaço triste). O mais provável é que você tenha reprimido esses sentimentos para tentar ajudar aqueles que estão ao seu redor ou até para tentar encontrar a solução de seus problemas.

7. Maníaco

Algumas características das pessoas maníacas são extroversão, superestimulação, superestimação de si e desperdício de dinheiro. Se o rosto deste homem assustou muito você, provavelmente o seu subconsciente carrega emoções tão grandes que se você não conseguir se controlar poderá acabar se tornando um místico fanático. Por negar essas emoções você acaba se comportando de um jeito completamente oposto sendo uma pessoa que, acima de tudo, não provoca os outros com o seu comportamento, detesta barulho e qualquer excesso em todas as áreas da vida. Você é o melhor exemplo de pessoa discreta e moderada, passando uma impressão de sempre estar com tudo sobre controle.

8. Transtorno dissociativo de identidade

Este tipo de personalidade possui características como grande desejo de viver e ser aceito por pessoas do sexo oposto. Se por algum motivo você sentiu que esse jovem pode ser alguém perigoso, é possível que quando criança você reprimiu um problema (ou mais) em relação à sua identidade de gênero. Se o seu mecanismo de defesa funciona, você tende a confirmar fortemente o seu gênero biológico. Neste caso, o seu comportamento, sua personalidade e sua aparência estão focados em torno da noção de afirmar para a sociedade o seu gênero biológico.

Qual figura te deu mais medo? Você se identificou com a descrição da que você escolheu?

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Portal Raízes

Portal Raízes Jornalismo Cultural


COMENTÁRIOS