DJ Alok faz a diferença no sertão da Bahia ajudando pessoas carentes

Portal Raízes

Alok é o maior DJ brasileiro de abrangência mundial e tem usado sua influencia para apoiar causas delicadas, mudando a vida de quem realmente precisa. Depois de participar de ações na África, ele voltou seus olhares ao Brasil e, em março deste ano, criou um projeto para acolher famílias da comunidade rural de Rio do Vigário, em Canudo. Segundo o artista, essas pessoas vivem em situações extremas, “uma realidade não muito distante do que vejo na África”, comparou.

O projeto visa a “construção de casas, perfuração de poços de água potável com dessalinizadores para consumo e plantações, construção de um centro educacional multiuso e instalação de energia elétrica através de placas solares nas casas”.

Passado alguns meses desde o início do projeto, Alok voltou ao local e revela ter presenciado um milagre, o lugar da sua primeira foto, antes extremamente seco, agora possui vegetação. Onde antes encontrava pessoas tristes e desesperançadas, agora encontra sorrisos e abraços.

Nas redes sociais o artista dividiu esse momento “Quero compartilhar com vocês uma das coisas mais lindas que eu já vi na minha vida! 🙏🏻 Assistam esse vídeo até o final”.

“A gente não vai mudar o mundo, mas podemos mudar o mundo das pessoas”. DJ Alok.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS





Portal Raízes
Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão.As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores.A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.