Ela tem 104 anos, é do Maranhão, e venceu a Covid-19

Portal Raízes

Essa idosa acabou de derrotar o vírus invisível que tem destruído famílias em todo o mundo. Dona Raimunda Idelfônica, de 104 anos, ficou internada por 30 dias, durante todo esse tempo, lutou com todas as suas forças contra o coronavírus e enfim recebeu alta.

O seu primeiro pedido ao chegar em casa prova que são as coisas mais simples que importam, e que realmente fazem falta, o pedido da maranhense foi um delicioso prato de bananas fritas, é claro que devido a uma dieta rigorosa ela ainda não pôde se deliciar desse prato, mas realizou outro grande desejo de tomar açaí puro.

A sua bisneta, Natália Ferraz, emocionou com o seu relato sobre como foi para sua bisavó se deparar com a doença: “Um sofrimento porque ela estava sempre acompanhada, e, de repente, se deparou em um lugar onde não conhecia ninguém e por tanto tempo. Os médicos sempre explicavam e diziam que ela achava que nós a tínhamos abandonado. Levamos ela para a UPA, mas não sabíamos se ela ia realmente ficar internada, não deu tempo nem de explicar tudo”.

Ao sair do hospital, teve sua despedida regada de flores e aplausos, e quando perguntada se ela tinha algo a falar, dona Raimunda disse apenas “dar graças à Deus” levantando suas mãos no gesto de agradecimento.

__

Se você gostou do texto, curta, compartilhe com os amigos e não se esqueça de comentar, isso nos ajuda a continuar trazendo conteúdos incríveis para você. Siga-nos também no Instagram e Youtube.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS





Portal Raízes
Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão. As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores. A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.