Os 4 mandamentos de Bill Gates para ser feliz. E são muito simples

Portal Raízes

Não é surpresa que Bill Gates, fundador da Microsoft, é o segundo homem mais rico do mundo. Ele se considera um homem feliz e sua felicidade, ao contrário do que muitos acreditam, não vem de sua fortuna.

A AMA anual de Bill Gates (Ask Me Anything) se tornou uma das sessões de perguntas e respostas mais populares no Reddit. Os usuários fazem todos os tipos de perguntas, desde perguntas sobre seus livros favoritos até se ele ainda escreve código, mas na sessão do ano passado, uma pergunta instigante subiu ao topo: apesar de tudo, o que faz você feliz?

Embora a resposta de Gates tenha sido curta (ele precisa acompanhar uma enxurrada de perguntas, afinal), ele destacou quatro ingredientes principais que lhe trouxeram felicidade e o esperam ansiosamente pelos próximos 20 anos.

1 – Mantenha-se fiel aos seus compromissos, sem ser um antissocial

Ainda jovem, Bill Gates se comprometeu com a missão da Microsoft: colocar um computador em cada mesa de cada casa. Após horas incontáveis de trabalho, a visão se tornou uma realidade.

Gates, então, precisava procurar outro compromisso. Aí veio a Bill and Melinda Gates Foundation, fundação que busca aumentar a qualidade de vida nas nações mais pobres e erradicar doenças como malária e poliomielite.

“Eu era excessivamente intenso e socialmente inepto. Eu tentaria me tornar mais autoconsciente sem me livrar do foco e do desejo de aprender. Você tem uma chance com os seus filhos para ajudá-los a evitar os erros cometidos”, disse Gates.

O executivo começou em sua carreira muito cedo, estudando em Harvard, uma das universidades mais desejadas do mundo. Dali partiu em busca da realização dos seus sonhos. Ele se tornou extremamente bem sucedido mas, claramente, deixou faltar alguns aspectos em sua vida pessoal e, hoje, diz ser muito mais feliz do que quando era jovem.

“Quando eu estava na casa dos 30 anos, não imaginava que as pessoas na faixa dos 60 anos eram muito inteligentes ou se divertiam muito. Agora eu tive uma contra-revelação. Me pergunte daqui a 20 anos e eu irei te dizer como as pessoas com 80 anos são felizes”, disse.

2 – Doe generosamente, não importa o quanto tenha: tempo ou dinheiro

Gates pode fazer ou ter o que quiser, sendo o segundo homem mais rico do mundo. Mas sua principal meta hoje é praticar a caridade. A dedicação de Gates levou o megainvestidor Warren Buffett a doar US$ 31 bilhões para a Bill and Melinda Gates.

“Se eu tivesse um desejo de fazer uma nova tecnologia, ela seria uma solução para a desnutrição. Quase metade das crianças dos países pobres cresce sem o corpo ou cérebro completamente desenvolvidos, perdendo assim seus potenciais”, disse o bilionário.

Por mais que você não seja dono de uma fortuna, sempre é possível contribuir para melhorar a vida de quem nos rodeia. Esperar a acumulação de riquezas para começar a ser caridoso é um erro, porque talvez você não consiga cumprir o feito até o fim de sua vida. Comece agora, com qualquer dinheiro ou tempo disponível, e você poderá refletir sobre seu legado de generosidade a qualquer momento.

3 – Dê ao seu corpo o respeito que ele merece: exercícios e diversão

Bill Gates é a favor do exercício físico e diz acreditar que a prática favorece a saúde mental. Inclusive, ele adora jogar tênis e já teve a oportunidade de praticar o esporte ao lado do grande tenista Roger Federer, porque sabe da ligação entre o esporte e a felicidade. Os benefícios da atividade física vão além da redução de peso e incluem menores riscos cardíacos e melhorias na saúde mental.

Você só tem um corpo, então trate-o como um templo. Um estudo concluiu que adultos fisicamente ativos aparentavam ser nove anos mais jovens em uma análise de suas células.

4 – Passe mais tempo com a sua família

Vivemos uma cultura em que trabalhar 12 horas por dia parece um sinal de dedicação e de sucesso, especialmente entre empreendedores. Mas essa devoção é insustentável e traz danos para a saúde. Bill Gates aconselha que as pessoas arranjem tempo para conciliar o trabalho com a família, separando momentos importantes para serem vividos em favor da felicidade.

O executivo contou ainda que aprecia séries e que gosta de assistir ao lado de sua esposa, Melinda, a Silicon ValleyThis is Us e A Million Little Things. Com seu filho ele assiste a The Americans.

Em suma:

As ideias de Gates sobre a felicidade são esclarecedoras, principalmente porque todas elas têm uma coisa em comum: a simplicidade. Apesar de todos os seus bilhões, as coisas que realmente lhe trazem felicidade, estão surpreendentemente ao alcance de todos. Qualquer pessoa pode se comprometer com alguma coisa e segui-la: doar tempo ou dinheiro para causas dignas, tomar medidas para melhorar a saúde pessoal, se divertir e passar mais tempo com a família, entes queridos ou amigos. Feche um ciclo, e ao começar um novo, escolha essas atividades.

Fontes pesquisadas: Bill and Melinda Gates; Inc;Reddit/Bill Gates;HostGator – Traduzidos e adaptados por Portal Raízes

Leia mais:

Os motivos de Bill Gates e Steve Jobs criarem seus filhos longe da tecnologia

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS





Portal Raízes
Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão. As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores. A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.