Se você é apaixonado por vinho, uma vinícola na Califórnia oferece moradia e R$ 55 mil em salário. Imagina poder viver em um campo, onde se planta uvas para a produção de vinhos, sem precisar se preocupar com o aluguel? Essa é a proposta de emprego feita pelo Murphy-Goode Winery, que está oferecendo um salário de US$ 10 mil, aproximadamente R$ 55 mil, aos candidatos ao cargo. Em uma publicação feita nas redes sociais, a empresa está anunciando a oferta de emprego, com duração de um ano, para pessoas que toparem se mudar para o local e trabalhar com vinhos durante esse período — sem a cobrança de aluguel. As informações são da UOL.

Nos primeiros meses, as tarefas de trabalho são “intencionalmente vastas”, permitindo que o novo contratado descubra em quais aspectos da vinificação ele se interessa. Outras funções do serviço incluem a aquisição de conhecimentos sobre vinhedos e operações vinícolas, além de aprendizado sobre o universo do comércio eletrônico.

A empresa escreveu, por fim, que a contratação “desenvolverá fortes relações de trabalho entre as funções da vinícola” e “trabalhará com equipes para aumentar a conscientização e criar demanda para a vinícola Murphy-Goode”. A vinícola familiar lançou o cargo pela primeira vez em 2009, com um foco inicial em documentar o trabalho nas redes sociais, de acordo com um comunicado à imprensa. A empresa, fundada em 1985, decidiu trazer de volta a oferta de emprego este ano “enquanto o país enfrenta um novo conjunto de desafios”.

Como se inscrever

Poderão se candidatar apenas pessoas maiores de 21 anos e autorizadas a trabalhar nos Estados Unidos. Junto ao currículo, o interessado precisará enviar um vídeo explicando o motivo pelo qual “esse é o emprego dos seus sonhos”. A empresa avaliará os aplicativos com base no “valor da função, criatividade e design, experiência aplicável e conjunto de habilidades”.

Os candidatos podem se inscrever para o cargo até 30 de junho. O trabalho começará em setembro. A qualificação mais importante para “A Really Goode Job” de Murphy-Goode é amar o vinho.

RECOMENDAMOS






Humanismo, sociologia, psicologia, comportamento, saúdes: física, mental e emocional; meio ambiente, literatura, artes, filosofia. Nossos ideais estão na defesa dos direitos humanos, das mulheres, dos negros, dos índios, dos LGBTs... Combatemos com veemência o racismo, o machismo, a lgbtfobia, o abuso sexual e quaisquer tipos de opressão. As publicações do Portal Raízes são selecionadas com base no conhecimento empírico social e cientifico, e nos traços definidores da cultura e do comportamento psicossocial dos diferentes povos do mundo, especialmente os de língua portuguesa. Nossa missão é, acima de tudo, despertar o interesse e a reflexão sobre a fenomenologia social humana, bem como os seus conflitos interiores e exteriores. A marca Raízes Jornalismo Cultural foi fundada em maio de 2008 pelo jornalista Doracino Naves (17/01/1949 * 27/02/2017) e a romancista Clara Dawn.